quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Experimentação Coreográfica

Núcleo Atmosfera de Dança-Teatro – 01 de Fevereiro de 2011

Você é o diretor...

A proposta do diretor Leônidas Portela, partindo de experimentações com todo o grupo, dando-lhes estímulos, teve o objetivo principal de proporcionar aos integrantes a oportunidade de ser o diretor. Ao final de cada aula os integrantes escolhiam partituras que foram experimentadas para montar/criar sua Experimentação Coreográfica.

Partir das matrizes “Cicatriz” e “Segredo” para organizar e criar minha proposta, tais matrizes foram escolhidas por se tratarem de elementos ligados à pessoa, relacionados à questões íntimas e que são únicas e intransferíveis.

Cicatrizes e Segredos

1ª PARTE

Passo a passo

1. Escolher uma cicatriz do seu corpo, aquela que seja pra você a mais significativa.

2. Criar uma fala para apresentar essa cicatriz (frase simples e curta). Memorizar fala criada.

3. Como você vai mostrar essa cicatriz? Mostrar cicatriz, repetir movimentação de mostrar, em seguida acrescentar mais três movimentos ao primeiro, estes devem se completar e serem contínuos. Memorizar partitura criada.

4. É dado 3 minutos para que memorizem a fala e a partitura. Em seguida cada um apresenta sua criação. Entra normalmente, fala e mostra cicatriz, depois mostra a partitura criada à partir do gesto de mostrar a cicatriz. Guardar.

5. Escrever no papel dado um segredo, algo que você jamais contou a alguém ou que poucas pessoas saibam, algo que seja diferente, inusitado... Os papéis foram dobrados e misturados, colocados no centro da sala, cada participante escolhe um segredo de forma que ninguém fique com seu próprio segredo.

Eis alguns segredos:

"Eu li o diário de um primo e descobri que ele traía a namorada com uma vizinha minha"

"Sofri tentativa de estupro na infância"

"Sou eu quem pega moedas do cofre da minha mãe e não o meu irmão"

"Eu já fui enganada por um homem casado. Sacana"

"Eu adoro ser chamado de sexy"

"Eu já roubei"

"Quebrei o óculos do meu irmão e coloquei a culpa no gato"

"Eu vou precisar ser bruta com uma amiga (...) cansei de ouvir as mesmas coisas e ela não dá um jeito na vida dela (...) isso vai custar uma amizade"

"Furtei um colar do pato Donald quando eu era criança, de uma coleguinha!"

"Quando entrei no núcleo, paralelamente comecei um romance com um artista."

"Minha monografia foi premiada no concurso norte-nordeste."

6. Criar uma partitura corporal para contar o segredo que você sorteou. Memorizar partitura criada. Guardar.

Continua...

Marinildes Brito